Nos bastidores da prefeitura… II – Caça às Bruxas

Desde a posse, uma verdadeira caça às bruxas está sendo realizada em todos os órgãos e secretarias da prefeitura de Eduardo Paes. O objetivo é não deixar empregado sequer um funcionário que tenha sido contratado, indicado ou seja de confiança de qualquer pessoa que tenha se mantido ligada ao ex-Prefeito Cesar Maia após a eleição de Paes.

Listas de pessoas para exoneração estão sendo elaboradas com a ajuda de funcionários que voltaram sua “lealdade” para a nova prefeitura.

Mas o que está mais preocupando os funcionários concursados é que muitos cargos técnicos, originalmente ocupados por funcionários de carreira que sabem mover a roda, estão sendo ocupados por indicação política, e aos poucos a máquina da prefeitura começa a girar cada vez mais fora de seu eixo.

Anúncios

One Response to Nos bastidores da prefeitura… II – Caça às Bruxas

  1. Os funcionários infiéis deveriam lembrar que o César Maia pode voltar ao poder muito antes do que eles imaginam. O Edu foi eleito por uma aliança e, mesmo assim, por muito menos da metade dos votos cariocas. Isto quer dizer que a maioria dos votantes cariocas não estão com ele. É preciso ter cuidado. Pessoalmente, lamento muito que o Edu a sua equipe tenha se afastado do César Maia. Muitos deles são meus amigos. Acho que até poderiam fazer muito pelo Rio se não fizessem uma oposição ao ex prefeito que, no fundo é uma oposição ao bem estar do Rio de Janeiro. Espero e torço para que o bom senso volte a prevalecer.
    Nicéas Romeo Zanchett

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: